quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Gráfico de Nolan

comunidade
universal
AUTORITÁRIO capitalismo social capitalismo corporativo supremacia
cultural
ESQUERDA POLÍTICA controle social liberdade social REPÚBLICA DEMOCRACIA AUTORITÁRIO ANARQUIA ESTRATOCRACIA TOTALITÁRIO TOTALITÁRIO comunismo esquerdismo populismo democracia-cristã confucionismo conservador social-democracia fascismo república-islâmica nacionalismo positivismo reacionário racionalismo anarquismo libertarismo socialismo estadismo trabalhador ambientalismo centrismo feminismo hedonismo burocracia liberalismo ativismo DIREITA POLÍTICA controle econômico liberdade econômica
coletivismo
horizontal
LIBERAL socialismo capitalismo laissez-faire corporativismo coletivismo
vertical


     O Espectro Político ou Bússola Política é um sistema de classificação de diferentes ideologias políticas sobre eixos geométricas que simbolizam ideários políticos. No eixo horizontal do plano cartesiano caracteriza-se pela passagem do foco social (Esquerda) para o foco econômico (Direita). Com relação ao eixo vertical do plano, é representado a gradação entre a ausência e a presença do Estado na sociedade.

Rosca Política

olho no passado instrução pela doutrina avanço natural estado ensina moral publica mídia moderada credulidade mais moral do que ético tradição sobre inovação (+) propriedade privada população homogênea ideologia teísta olho no futuro instrução pela avaliação avanço encorajado estado ensina ética publica mídia liberal ceticismo mais ético do que moral inovação sobre tradição (+) direito civil populacao heterogênea ideologia ateísta DEPENDE DE VONTADE INDIVIDUAL DEPENDE DE VONTADE ESTATAL Liberal Conservador Radical Reacionário ESQUERDA POLÍTICA DIREITA POLÍTICA
  • Ética: Regras de conduta imposta por indivíduos por uma organização e formulada usando considerações sociais de toda a comunidade.
  • Direito Civil: Direitos do indivíduo de se assegurar da arbitrariedade de outros contra a sua pessoa.
  • Moral: Regras de comportamento impostas por indivíduos de uma organização e formulada envolvendo considerações regionais.
  • Propriedade Privada: Direito do indivíduo de se assegurar da arbitrariedade de outros contra suas propriedades.


     Gráfico representativo dos temas comumente discutidos e defendidos por ambos os lados. Algumas atitudes dependem apenas dos indivíduos, outros apenas do poder do Estado. Os temas que são de responsabilidade dos indivíduos são mais flexíveis e mais suscetíveis às variações da vontade do Estado.


Assistencialismo Estatal

Governo provê Bens/Serviços




- Energia - Vestuário - Moradia - Alimentação - Saúde Universal - Seguro Desemprego - Aposentadoria pública - Saúde Pública Limitada (para pobres e idosos) - Assistência à Moradia, Alimentação e Energia (para pobres) - Educação Pública - Proteção contra Calamidade - Rodovias / Estradas - Polícia / Segurança / Exército - Tribunal / Adjudicação / Arbitragem Mercado provê todos os bens e serviços baseados na produção privada e troca voluntária Socialismo Social-Democracia Democrata/Moderado Republicano/Conservador Estado mínimo Libertarismo

   Segundo a doutrina da Direita, o Estado é ineficiente, e as famílias devem prover suas próprias necessidades. Em contra partida, a Esquerda defende que certas famílias não possuem poder aquisitivo suficiente para prover suas próprias necessidades, e o Governo deveria fornecer assistência. As circunferências no gráfico representam o quê cada ideologia defende no quê o Estado deveria prover para a sociedade.

Convergência Política

CONFIANÇA PRESERVAÇÃO CAPITALIZADO DESCONFIANÇA REVOLTA COMUNITÁRIO social-democrata democrata republicano libertário anarquista socialista
    De acordo com este gráfico radial, cada facção política tem três fatores de motivação os quais são constituídos por círculos de estados de comportamento. Achamos interessante destacar seis fatores que se combinam para produzir ideologias políticas.
Os fatores são:
Confiança: (Ideologia - Altruísmo) Este é um que as pessoas são inerentemente compassivas. Suportando todas as forças que evitam de ajudar aos outro. As pessoas dão a sua maneira de aliviar o sofrimento experimentado em torno delas. Contribuir para o bem comum é gratificante, e as pessoas querem acreditar no quê elas estão fazendo é benéfico para a sociedade.

Desconfiança: (Ideologia - O egoísmo) Isso deriva do fundamento de que as pessoas são inerentemente egoístas. Sempre que possível, as pessoas são oportunistas em tirar proveito do outro, para que não possam ser convocadas para a ajudar, a menos que haja recompensas por suas ações. Em última análise, todos são responsáveis ​​por cumprir apenas as suas próprias necessidades.

Capitalizado: (Ideologia - laissez-faire) O valor de uma pessoa e de riqueza devem ser determinadas pela sua capacidade produtiva. Propriedade privada é fundamental. Qualquer intervenção no mercado é considerado inconveniente e todos os lucros são considerados méritos.

Comunitário: (Ideologia - o comunismo) Todos os recursos da sociedade devem ser de propriedade comum, e a produção resultante oferecida para todos de acordo com às suas necessidades. Eficiência e o verdadeiro valor dos bens é mantido, pois fora da motivação do lucro, há poucos incentivos para o excesso de produção e inflação.

Preservação: (Ideologia - liberdade positiva) A crença é que o atual modo de governo é eficaz quando operado com competência. Através de reformas para o processo democrático, os políticos são responsáveis ​​por promulgar a legislação a fim de que o governo sirva as necessidades das pessoas.

Revolta: (Ideologia - liberdade negativa) Sempre que houver segregação, privação, ou desproporcionalidade, devem ser tomadas medidas para se rebelar. Qualquer institucionalização de injustiça é intolerável e será eliminada.

Modelo de Oposição